R$ real
R$ REAL
$ DOLLAR
por
por
Usa
Portal do aluno
por
por
Usa
R$ real
R$ REAL
$ DOLLAR
info@neipsy.org
Contato
Blog
Programas
Congresso Internacional de Psicanálise
Nossa equipe
Analistas Didatas
Sobre o instituto
Home

O sofrimento humano parte de três direções

Em “O Mal Estar da Civilização” (1929/1930), Freud, aponta que nossas possibilidades de felicidade sempre são restringidas por nossa própria constituição. Já a infelicidade, segundo ele, é muito menos difícil de experimentar.


Vejamos o que Freud diz sobre a questão do sofrimento humano. “O sofrimento nos ameaça a partir de três direções: de nosso próprio corpo, condenado à decadência e à dissolução, e que nem mesmo pode dispensar o sofrimento e a ansiedade como sinais de advertência; do mundo externo, que pode voltar-se contra nós com forças de destruição esmagadoras e impiedosas; e, finalmente, de nossos relacionamentos com os outros homens.


O sofrimento que provém dessa última fonte talvez nos seja mais penoso do que qualquer outro.” Essas diferentes formas de sofrimento neurótico tendem a minar as possibilidades de felicidade. À luz da reflexão freudiana sobre o mal estar da civilização temos pistas do motivo pelo qual o indivíduo torna-se neurótico, justamente porque não consegue suportar as restrições que lhe são impostas pela sociedade.


Em nosso momento hodierno, atual, precisamos conhecer nosso tempo e como ele influência a clínica da cultura, ambiência, ou lugar, em que os analistas atuam para pensar e auxiliar no empoderamento do sujeito social.

Compartilhe
418 Main St, 420 Worcester, MA 01608
info@neipsy.org
© 2022 Neipsy - New England Institute of Psychoanalysis